quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

SECRETÁRIO DE SAÚDE DO CEARÁ PODE SER PRESO

O procurador do Trabalho Antonio de Oliveira Lima disse que a convocação era uma necessidade, pois as contratações na área da saúde vinham ocorrendo de forma irregular. "O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) cobram a regularização situação. O TCE deu um prazo de 120 dias para a convocação dos aprovados de nível superior do concurso da saúde realizado em 2006, durante esses dois anos os contratos com empresas de serviços terceirizados foram renovados sucessivamentes mesmo com a suspeita de superfaturamento e a promotora da saúde Dra Isabel Porto, questiona quantas mortes poderia ter sido evitadas com a convocação desses profissionais, já que o número mortes hospitalares no ceará atingiu mais de 10.000 mil em 2008; segundo dados do datasus.
O Prazo do TCE termina no dia 29 de janeiro, caso o secretário João Ananias Vasconcelos Neto (deputado licenciado do PCdoB), não cumpra a ação judicial do TCE além da aplicação de multas diárias o gestor da saúde pode ser preso por causa disso.¨ Uma ação só não foi ajuizada contra o Governo porque ele se comprometeu a chamar os aprovados não sabemos quando¨, declara. João Ananias Para o secretário, a convocação será uma decisão exclusiva do Governador do Estado Cid Gomes e não se baseia em nenhuma ação judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pelo comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...