quarta-feira, 28 de março de 2012

VIDA ALTERNATIVA


MARK BOYLE não é parente da hoje abastada Susan Boyle. Muito pelo contrário. Este inglês de 30 anos, formado em economia, vive num trailer que ia para o ferro velho e defende o que chama de Free Economy. O fogão é à lenha e a madeira é coletada nas matas da redondeza.
Ele não usa dinheiro há 15 meses e ri à toa. Seu telefone é pré-pago, do tipo que só recebe chamadas. Higiene pessoal, no rio, com a pasta de dente e o sabonete feitos de cartilagem de peixe e farinha de sementes de erva doce. Ele abriu mão de uma vida confortável em Bristol. Era dono de uma loja de alimentos orgânicos, faturava o equivalente a R$ 10 mil por mês.
 Tinha uma boa casa, carro do ano, frequentava restaurantes, cinemas, teatros.  Boyle decidiu jogar tudo para o ar e passou a viver sem um centavo no bolso. O que era para ser uma simples experiência virou um exemplo de vida para lá de alternativa. Ele diz que vivia estressado, em meio a contas, extratos bancários, dívidas.
 Desde que decidiu encarar essa nova vida, não sabe mais o que é ter uma dor de cabeça. Ele acredita em sociedade alternativa. Para ele, o sistema de troca poderia substituir grande parte das transações comerciais. As roupas que usa, por exemplo, foram pagas com verduras.  Você teria coragem de fazer como ele ?leia mais aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pelo comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...