quarta-feira, 8 de abril de 2009

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA UM CRIME HEDIONDO


O Departamento de Material e Patrimônio da Secretaria Municipal de Saúde de Natal (DPM/SMS) identificou milhares de medicamentos vencidos no depósito do município, remanescentes da administração do prefeito Carlos Eduardo Alves. Mesmo com o auxílio do Setor de Apoio Farmacêutico, o DPM ainda não conseguiu catalogar o valor monetário do prejuízo, devido ao montante, uma quantidade suficiente para preencher dez caminhões-baú.O chefe do DMP, José Osvaldo Ferreira Borges, relatou que ao assumir o cargo em janeiro deste ano encontrou um relatório do Ministério da Saúde solicitando mudanças físicas no galpão que acomodava os medicamentos, registrando duas vistorias do órgão, uma em janeiro e outra em setembro de 2008. De acordo com Osvaldo, a descoberta do relatório se deu quando os auditores faziam um trabalho de levantamento, mostrando também a existência do material vencido. "Não exisitia nenhuma base de dados, nada era informatizado, o que dificultou muito o trabalho", diz o chefe do DMP.Ele revelou que devido à gravidade do problema, o município contratou uma empresa especializada em auditorias, a qual tem até o fim de abril para concluir a investigação, focando principalmente os remédios vencidos. De acordo com Osvaldo, ainda não se sabe o valor monetário do prejuízo, mas já foi coletada a informação que em 2008 a prefeitura soliciou à empresa Marquise a incineração de 6.350 kg e 50 mil litros de medicamentos, também, vencidos. "Trabalhamos com duas situações. A incineração desse medicamento após o levantamento e abertura de processo para comprar outros e não deixar o município desassistido", garante Osvaldo.



VEJA AQUI : LEI 8.429 CRIMES DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

http://ow.ly/1wIcX ESSA DUPLA VAI LONGE NO RN http://ow.ly/1uWsg RECEBENDO CONSELHOS DE DILMA http://migre.me/vdQa VEJA TODOS LINKS NATAL


2 comentários:

  1. Que perigo! Imagina esses remédios todos sendo vendidos para as pessoas... Sem condições... Onde vamos chegar?

    ResponderExcluir
  2. Absurdo.Será falta de profissionais farmacêuticos ou falta de infraestrutura para o armazenamento adequado? Dinheiro nosso jogado no lixo por irresponsabilidade administrativa.
    Parabéns pelo blog, muito interessante.

    Júlio César

    ResponderExcluir

obrigado pelo comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...